O podcast vem sido cada vez mais procurado pelo público e como estratégia de marketing de conteúdo por empresas. Por isso, preparamos um guia completo de como criar um podcast do zero!

Isso porque este tipo de conteúdo é fácil de ouvir em qualquer lugar e durante as atividades rotineiras mais comuns, como no ônibus ou limpando a casa.

Para o seu negócio é uma estratégia que não deve ser ignorada!

Ainda mais porque é muito fácil desenvolver um podcast para sua empresa ou marca. Basicamente, o que você precisa fazer é conversar sobre assuntos que já são de seu interesse. 

Mas claro, gravar esse papo e, principalmente, planejar com antecedência.

Já fizemos um texto simples para você entender como criar um podcast, mas desta vez, trouxemos um guia completo!

Vamos lá?

O que é podcast?

Se você está pensando em começar um podcast do zero, é importantíssimo que você saiba exatamente o que é podcast, não é mesmo?

Resumidamente, podcasts são um formato de áudio marketing, que se assemelha aos tradicionais programas de rádio, mas é oferecido sob demanda.

Eles fortalecem a relação das empresas ou marcas com seus públicos, prospects e colaboradores.

Ao mesmo tempo em que aumentam o awareness e servem para informar e entreter a audiência com temáticas próximas ao seu negócio.

A melhor parte é que você pode falar sobre tudo em seu podcast, o que faz com que ele seja muito mais do que uma estratégia, mas uma fonte de prazer para quem escuta!

Agora que você já sabe melhor o que é um podcast, falaremos sobre as vantagens de criar um podcast para sua empresa.

Por que criar um podcast?

A resposta é muito simples: porque você pode usar seu podcast como estratégia de marketing de conteúdo!

Pensando em sua marca, é fundamental estar sempre atento às novas formas de consumo de conteúdos. Tema em que podcasts ocupam um lugar de grande importância.

Isso fica explícito com os investimentos que grandes empresas, como Spotify e Google, têm feito nesta categoria. E com o crescimento cada vez mais acelerado nas plataformas que incluem este formato.

As razões para ter um podcast começam na baixa saturação, já que são mais ou menos 2 milhões de conteúdo do tipo, enquanto existem pelo menos 30 vezes mais canais no YouTube e 600 vezes mais blogs.

Além disso, você dialoga diretamente com uma audiência qualificada e que é extremamente engajada.

Outros benefícios de fazer um podcast do zero para sua empresa são:

  • Facilidade de consumo do conteúdo; 
  • Branding; 
  • Geração de leads; 
  • Educação de prospects e do mercado;
  • Estreitamento na relação com seu público;
  • Melhoria de SEO com uso do feed RSS;
  • Melhoria no awareness;
  • Conteúdos duradouros.

Como dissemos anteriormente, qualquer assunto pode ser aproveitado em um podcast. 

Então, não importa qual seja o setor de sua empresa, sempre vale pensar em usar podcast como estratégia de marketing. Já falamos sobre podcast para startups, por exemplo.

E você pode escolher entre diversos tipos de podcast para que o seu público se identifique e se conecte da melhor maneira com seu negócio.

Então, vamos lá, o que você precisa para desenvolver seu podcast?

Equipamentos básicos necessários

Basicamente, os equipamentos para gravar podcast que você precisa são:

  • Computador;
  • Acesso à internet;
  • Microfone/Headset
  • Programas básicos: edição/gravação/design
  • Espaço apropriado para gravar.

Não é necessário gastar muito dinheiro, principalmente se você está nas primeiras etapas, pensando nas maneiras de como começar um podcast do zero.

Primeiro, escolha equipamentos acessíveis, sem abrir mão da mínima qualidade para a experiência dos ouvintes.

Então, conforme seu podcast for avançando, você pode fazer novos investimentos.

Separamos algumas opções de equipamentos básicos necessários, com valores aproximados, para você ter referências!

Microfones

Quando o assunto é microfone para podcast, a regra é a mesma. Você não precisa da melhor tecnologia do mercado, mas contar com bons equipamentos sempre ajuda a potencializar o engajamento com seu programa.

Um microfone bom é fundamental, principalmente por se tratar de uma mídia completamente sonora.

Quando você for decidir qual modelo quer adquirir para começar seu podcast, faça um balanço entre o custo-benefício e qual apresenta as melhores propriedades para o seu tipo de show.

Uma boa opção para podcasters iniciantes é um microfone dinâmico, que é resistente e dificultam o vazamento de sons ambientes. Algumas opções são:

  • SKP Pro 33 (por volta de R$100,00 o individual)
  • Rode Podmic Dinâmico (por volta de R$1.750,00)

Outra opção muito procurada no momento de fazer um podcast do zero são os microfones USB, que são simples de instalar e fáceis de conectar em diversos dispositivos:

  • Blazar Gm300 Redragon (por volta de R$510,00)
  • Blue Snowball Ice (por volta de R$500,00 e R$1.100,00)

Mas existem muitas outras opções de microfones para você escolher! Incluindo headsets.

Headsets

Agora, você também pode optar por headsets para podcast, que juntam microfone e fones de ouvidos no mesmo equipamento.

Eles são uma ótima escolha para criadores que preferem ficar com as mãos livres e ter mais mobilidade enquanto gravam.

O modelo Microsoft Lifechat LX-3000 sai por volta de R$218,00 e R$360,00.

Ele funciona por conexão USB, ele te ajuda a ficar distante do microfone por ser rígido e elimina ruídos. Porém, por não ser unidirecional é indicado para gravações em lugares silenciosos.

Já o HyperX Cloud Stinger é conectado por plugin P2 (comum em fones de ouvido) e pode ser adquirido por volta de R$300,00 a R$400,00.

Ele possui fones com hastes bastante flexíveis e microfone com cancelamento de ruído e botões de controle no cabo.

Agora que você já sabe um pouco mais sobre os equipamentos de gravação, é hora de pensar nos programas que você precisa!

Programas de gravação

Na hora de gravar seu podcast você pode optar por um software gratuito, como o Audacity, que é a principal escolha de muitos criadores e possui versões para Windows, Linux e Mac.

Ele também possui uma versão paga com funções extras para que você tenha a segurança de que será capaz de realizar todos os planos que possui para seu podcast.

Há também uma opção disponível apenas para Mac, o GarageBand. Ele chama a atenção por apresentar uma interface muito mais intuitiva do que o famoso Audacity.

Muitas vezes não é possível reunir apresentador e convidado para um episódio. Mas você não precisa necessariamente estar próximo, pois existem diversos programas para gravar podcast online.

Além do já conhecido Skype, que permite que você faça download de sua conversa diretamente no formato .mp4, você também pode contar com o Zoom.

Agora, nossa principal recomendação é o Zencastr, porque ele é especializado na gravação de podcasts a distância e simplifica processos de edição, além de apresentar forte qualidade de áudio.

Este programa possui uma versão gratuita que pode ajudar se você está pensando em como fazer um podcast do zero. Mas aconselhamos fortemente a versão paga para seu podcast ser mais profissional, que fica U$20,00 por mês.

Programas de edição

O Audacity pode se tornar seu melhor amigo, porque ele também oferece ferramentas de edição.

Porém, existem melhores softwares para editar podcast se você possui certo orçamento para investir em seu show.

O Pro Tools apresenta inúmeras funcionalidades e efeitos para você utilizar. É a escolha certa de diversos profissionais do setor de podcasts e do audiovisual.

Por mais que disponibilize uma versão grátis, vale a pena pagar os U$29,99 mensais para ter um programa completíssimo.

Outra opção é o Reaper, que é extremamente profissional e custa U$225,00 em seu plano comercial e U$60,00 com desconto. Porém, é mais aconselhado para quem já possui experiência em edição.

Programas de design

Pensar no design e identidade de seu podcast também é uma etapa fundamental na elaboração de seu projeto.

Como existem muitas ferramentas para criar capa de podcast disponíveis, você não precisa ser um expert na criação de arte para obter bons resultados.

Além disso, a maioria destes programas pode ser utilizada gratuitamente!

O Canva, por exemplo, já é famoso entre as pessoas que precisam criar peças de design, mas não dominam programas mais complexos.

Já o Bannersnack apresenta um template para capas de podcast especificamente.

E o BeFunky é considerado um dos melhores editores e, mesmo gratuitamente, oferece possibilidades mais completas.

Você pode explorar cada um deles para decidir qual combina mais com você e disponibiliza as melhores propriedades.

E agora que você conhece melhor os equipamentos básicos necessários, você pode estar na dúvida de quanto custa isso tudo.

Quanto custa começar um podcast

Uma pergunta recorrente de muitos criadores que estão descobrindo como criar um podcast é sobre o custo.

Pensando nos valores que oferecemos aqui, fizemos a conta para você!

Somando os equipamentos mais baratos, você conseguir dar início ao seu programa por apenas R$100,00. Isso porque seu único gasto seria com um microfone, já que existem opções gratuitas de todos os programas que apresentamos.

Mas, se você consegue investir em seu show logo de cara, vale a pena escolher algumas das opções com o preço mais elevado.

No caso em que você optasse por todas as ofertas mais caras que apresentamos aqui, seu orçamento seria de R$1750,00 iniciais e U$245,00 mensais. 

De novo, isso incluindo todas as opção com os custos mais altos. E, claro, considerando que você já possua um computador.

Se você quiser uma descrição mais detalhada, pode conferir nosso texto completo sobre quanto custa começar um podcast.

E, então, é hora de finalmente pensar no conteúdo de seu podcast!

Os primeiros passos para o conteúdo do seu podcast

Não tem como criar um podcast do zero sem elaborar um bom conteúdo!

E para isso, é necessário fazer um planejamento.

Uma boa plataforma para te ajudar a organizar seu show é o Trello. E nós já preparamos um texto especificamente sobre como planejar podcast que está esperando por você.

Se já tem um aplicativo para se organizar, você pode se concentrar completamente no que vai trabalhar em seu show. 

Então, o primeiro passo é escolher os temas que vão ser discutidos.

Temas

Se você tem dúvidas sobre como escolher temas para os seus episódios, saiba que existem diversas fontes de inspiração que você pode utilizar.

Mas antes de tudo, é necessário definir qual o objetivo de seu podcast. Saiba o que te motiva e trabalhe na direção do que você escolheu.

Esse será o primeiro fator para você selecionar as boas ideias e deixar de lado as ideias que não serão tão efetivas.

Um bom passo se você está começando um podcast do zero é analisar sua concorrência e buscar referências em outros formatos ou plataformas.

Identifique quais assuntos geram maior engajamento e se você pode trazer uma perspectiva diferente sobre eles.

Você também pode pesquisar por palavras-chave e descobrir as tendências relacionadas ao que você pretende tratar em seus episódios. 

Assim, você pode ter mais noção do que está sendo buscado e, ao mesmo, tempo se existe espaço para mais conteúdos sobre o tópico.

Que tal usar dados em seu podcast para gerar conteúdo?

Mas a melhor coisa a se fazer ao pensar em temas para seu podcast é conhecer quem são seus ouvintes. Ou, no seu caso, quem eles serão.

Se você já possui uma comunicação direta, pergunte para sua possível audiência sobre o que gostariam de ouvir.

E fique atento para os comentários que estão sendo feitos em suas redes sociais e, principalmente, seu blog. Muitas vezes, novos conteúdos estão bem no quintal de sua casa e você ainda não percebeu.

Será que querem se aprofundar em algum tópico? Será que existem dúvidas? Ou alguém pode ter feito uma sugestão.

Além dessas dicas, eventualmente, você será capaz de reaproveitar episódios antigos.

Tendo escolhido seu tema, é o momento de preparar o roteiro!

Roteiros

Existem algumas dicas que você deve levar em consideração na hora de desenvolver um roteiro para seus episódios de podcast.

A primeira delas é escrever pensando na maneira como você fala. Assim, você vai soar mais natural e pode deixar sua personalidade transparecer.

Segunda: tente criar imagens com suas palavras. Como o público não tem acesso a nenhum estímulo visual, é importante que você ajude os ouvintes a visualizar o que está dizendo. 

Pense nas situações que precisam ser descritas de maneira mais profunda. Mas não exagere! Fale mais sobre o que vai fazer as pessoas se engajarem com mais força.

Terceira: seja direto na produção de seu roteiro. Não escreva tudo o que você vai dizer, apenas o essencial. 

O que nos leva à quarta dica: se deixe livre. Você (ou o apresentador) precisa deixar a criatividade e a naturalidade fluírem ao gravar. Use o roteiro como um guia, mas não fique preso nele.

Às vezes, um tópico pode render mais que outro durante a conversa. E tudo bem! Principalmente se você entrevistar convidados no podcast.

Por fim, a dica mais importante de todas é: desenvolva uma estrutura. Com o tempo, você vai se acostumar a ela e será muito mais prático escrever novos roteiros, até porque, ela servirá como um template para ser modificado a cada episódio.

Nós oferecemos um exemplo de estrutura que você pode usar na hora de criar roteiro para podcast. Ele pode te ajudar muito, principalmente ao fazer um podcast do zero.

Depois disso, é só gravar! E, então, publicar e pensar nos últimos processos.

Lançamento e divulgação

Se você está lançando seu podcast pela primeira vez, nós aconselhamos que você já tenha 3 episódios prontos, pelo menos.

E, então, uma vez que você tem seu novo episódio gravado, é hora de publicá-lo.

Nós criamos um guia prático de como colocar o podcast no Spotify e nas plataformas do Google da Apple para te ajudar.

Mas é fundamental que você conheça a importância dos agregadores de podcast, como o Anchor, que são espaços online onde seus episódios ficam armazenados. 

E é através deles que você publica seu show automaticamente nas plataformas que desejar.

Quando seu podcast estiver no ar, você precisa trabalhar na divulgação!

Divulgando seu podcast

Fizemos um guia completo de como divulgar podcasts, caso você queira chegar a ótimos resultados.

Mas, basicamente, você precisa saber que é importante divulgar seu podcast em diferentes mídias e formatos, como:

Cada estilo de divulgação tem suas particularidades, mas é fundamental que você mantenha a identidade visual de seu podcast consistente em todos eles.

E, embora você ainda esteja pensando em como começar um podcast do zero, vale a pena pensar em divulgar seu podcast com mídia paga.

O que se mantém semelhante em qualquer divulgação que você possa fazer é um ponto crucial: você precisa acompanhar as métricas e resultados.

Investigue o que surte resultados em sua audiência. Em quais tipos você obtém maior engajamento? Quais tipos trazem mais novos ouvintes? 

Assim, você poderá aprimorar ainda mais suas estratégias de divulgação e os conteúdos que vai utilizar para isso.

A partir daí, seu crescimento está em suas mãos e você tem tudo para fazer um podcast de sucesso!

Notas finais

Ter dúvidas em como criar um podcast do zero é normal!

Mas além de trazer ótimos resultados para sua marca ou empresa, não é tão difícil assim tirar esse projeto do papel.

Existem alguns equipamentos necessários que você precisa adquirir, mas que não serão gastos muito altos para você. A não ser que já esteja almejando resultados extremamente profissionais, o que também é justo.

Sabendo o que você precisa obter, é só seguir alguns passos para colocar o programa em prática.

Começando pela elaboração dos temas e, então, dos roteiros de seus episódios.

Depois de gravado, é só publicar o podcast em todas as principais plataformas que tem a ver com seu nicho ou com o público de podcasts e partir para a divulgação!

Lembre de sempre analisar os resultados de seu show e de suas estratégias de divulgação e, assim, você só tende a crescer cada vez mais.

Tire suas principais dúvidas sobre como criar um podcast nos comentários. E, se você já tem um podcast, divida um pouco como foi sua experiência! 

E você pode acompanhar também as novidades da Feedgurus pelo nosso Instagram.