Se você está procurando elevar o nível de seu show, é essencial voltar sua atenção e entender mais sobre design de som para podcast.

Por ser um conteúdo sonoro, pensar em sonic branding, trilhas e efeitos para podcast vai te ajudar a se destacar.

E é sobre isso que vamos falar aqui.

Mas, antes de entrar nas particularidades desses elementos, vale a pena entender como criar abertura e encerramento para podcasts.

Vamos lá?

INTRO e OUTRO

Ao estruturar seus episódios, elaborar bem sua Intro e Outro vai fazer toda a diferença. 

A Intro dá o tom do seu podcast e do episódio e convida os ouvintes, enquanto a Outro vai criar expectativas para os próximos conteúdos.

Além disso, são os principais momentos em que a edição para podcast vai favorecer o uso de vinhetas e deixar marcada sua identidade sonora de marca.

Dito isso, o que você precisa incluir em sua Intro?

Como fazer uma boa Intro para podcast?

Uma boa Intro convence (nos primeiros 5 minutos) os ouvintes a permanecer no episódio, é a sua chance de uma primeira impressão.

Para conquistar tanto sua audiência fiel quanto as pessoas que estão descobrindo seu podcast apenas agora, saiba o que leva seu público a escutar seu show, seja informação, entretenimento ou o que for.

Conte para eles o porquê o episódio será relevante e como vai fazer diferença na vida deles.

Além disso, não se esqueça de incluir algumas informações essenciais, como:

  • Quem é você;
  • Qual o nome do podcast;
  • Qual o principal tema do podcast;
  • Qual o seu público-alvo;
  • Qual o tema do episódio.

Tudo isso deve ser colocado de maneira rápida! 

O mais importante é fazer um bom convite para que seus ouvintes escutem o episódio. E, nele, você vai convencer de vez sobre a qualidade do seu conteúdo.

Como fazer uma boa Outro para podcast?

Para ter sucesso com sua Outro, faça com que as ótimas impressões do episódio permaneçam para além dele.

Você deve gerar expectativas para o(s) episódio(s) futuro(s) e é sua grande chance para pedir alguma ação de retorno, ou seja, trazer um CTA.

Também é mais um momento para você pensar no processo de edição para podcast e adicionar sua vinheta para que fique na cabeça dos ouvintes!

Alguns pontos importantes para serem levantados durante a Outro são:

  • Agradecer a permanência do público até o fim;
  • Informar onde as pessoas podem encontrar as informações que você apresentou;
  • Trazer sneak peeks sobre o próximo episódio;
  • Indicar onde você pode ser encontrado (de preferência seu site);
  • Criar um CTA (call to action), mas apenas um. 

Com isso, é mais fácil de engajar seus ouvintes em seu podcast e trabalhar a identidade sonora da marca de seu show, o que vamos falar a seguir.

Sonic Branding

Um ponto crucial quando se trata de design de som para podcast é Sonic Brand, o que significa ter um som próprio que vai ser identificado rapidamente pelo público, como o “TuDum” da Netflix.

Trabalhar com sonic branding é desenvolver uma nova camada de relação com sua audiência a partir uma sequência sonora curta, o que combina muito com podcasts.

Essa identificação não nasce naturalmente nos ouvintes, ela é criada pela marca, ou seja, pelo seu show.

Sonic Branding sempre faz diferença, principalmente se você pensa em ganhar dinheiro com podcast.

Criando seu próprio Sonic Branding

Para desenvolver um sonic branding profissional é necessário entrar em contato com profissionais do ramo ou produtores musicais. 

Não é um trabalho fácil criar um som único, que remeta ao seu podcast e ainda consiga se sobressair aos tantos outros estímulos sonoros que convivem no universo digital.

Sua principal função nesse processo é conhecer sua marca! Saiba muito bem quais são os objetivos e valores de seu podcast para que isso possa ser traduzido em som.

E, claro, essa não é a única estratégia que você deve usar. Trabalhe também com trilhas e efeitos para podcast!

Trilhas e efeitos para podcast

O design de som para podcast inclui pensar em cada elemento sonoro que você incorpora em seu show, desde o momento que você decide gravar até editar.

Isso significa pensar também na trilha sonora e efeitos sonoros que fazem parte de seus episódios.

E é importante prestar atenção nesses elementos, para não infringir direitos autorais.

Trilha Sonora para podcast

Nem todos os podcasts incluem trilha sonora, mas esse é um elemento sonoro que pode fazer toda a diferença para o engajamento de sua audiência.

Ao escolher as trilhas que você vai utilizar em seu show, verifique se elas são de uso livre. Geralmente, existem 3 tipos:

  • Livres de Royalties: você adquire uma licença para a trilha sonora e pode usar à vontade de acordo com as definições do contrato.
  • Creative Commons (CC): são trilhas sonoras liberadas para uso gratuito desde que você dê os créditos aos criadores, mas existem variações.
  • Domínio público: muitas músicas e trilhas ficam disponíveis para uso público e você pode encontrar algumas das opções brasileiras no site do órgão.

É de extrema importância que você nunca use músicas e trilhas com direitos autorais, que podem causar muito problemas para seu podcast e incluir multas.

Existem plataformas gratuitas e pagas para você escolher a trilha sonora do seu podcast que você pode conferir!

Efeitos para podcast

Quando o assunto é efeitos para podcast é a mesma história! Você deve se preocupar com os direitos de uso.

Isso não deve ser um impeditivo para que você use eles, afinal, seu podcast ficará muito mais completo e engajante com efeitos sonoros e transições.

Não se preocupe, porque existem alternativas pagas, gratuitas e personalizadas para que você inclua esses elementos em seus episódios:

  • Efeitos para podcast pagos: garantem qualidade de áudio, são mais exclusivas e poupam tempo. Algumas plataformas funcionam por assinatura, outras por pacotes ou venda individual. Exemplos: Storyblocks e Music Radio Creative.
  • Efeitos para podcast gratuitos: você pode encontrar muitos efeitos gratuitos e seu único trabalho nesses casos será explorar as plataformas, pois se alguns são excelentes, outros são de qualidade extremamente baixa. Exemplos: 99 sounds e Free SFX.
  •  Efeitos para podcast personalizados: seguindo a linha do sonic branding, você pode criar efeitos sonoros só para seu show. Você pode fazer você mesmo, de graça, mas isso ocupa bastante tempo ou contratar profissionais especialistas, que vale a pena.

Conheça outras opções de onde encontrar efeitos sonoros para podcast!

Uma dica muito valiosa para quando você estiver trabalhando com trilhas e efeitos para podcast é manter sua biblioteca de sons organizada. 

Isso vai fazer com que sua edição para podcast fique muito mais ágil e vai simplificar muitas etapas.

E se você quiser conhecer mais dicas, confira nosso texto sobre como fazer um podcast de alta qualidade.

Notas Finais

Saber mais sobre design de som para podcast é importante. Já que você trabalha com um conteúdo que é principalmente áudio, isso fará toda a diferença.

Parte dessa estratégia pode se voltar para o sonic branding, que é sua chance de criar uma identidade sonora de sua marca ou show. 

Além disso, trabalhar com trilhas e efeitos para podcast é fundamental para elevar seu conteúdo e aumentar o engajamento de seus episódios. 

Existe plataformas gratuitas e pagas para você encontrar tudo o que precisa. Mas, você sempre pode contratar profissionais para criarem trilhas e efeitos personalizados ou tentar fazer você mesmo.

Por fim, sempre mantenha sua biblioteca de sons organizada, isso vai poupar muito tempo e facilitar seus processos de edição para podcast.

Você também tem dicas? Compartilhe com a gente nos comentários! E você pode acompanhar também as novidades da Feedgurus pelo nosso Instagram.