Captação de áudio

Captação de áudio para podcast: 3 dicas para uma gravação de qualidade

O podcast é a mais nova ferramenta de mídia que os brasileiros adotaram em sua rotina. Através dele é possível se informar, aprender e ainda se distrair da correria do dia a dia.

Hoje o Brasil é o 3º maior consumidor de podcast no mundo e o 5º maior produtor de conteúdo dessa ferramenta.

Mas se engana quem acha que o podcast só surgiu agora. Eles existem desde meados dos anos 2.000, com o intuito de ser um novo formato dos programas de áudio. Porém, com o isolamento social em 2020, esse formato de mídia se tornou um sucesso. 

Por isso, se você quer fazer parte dessa nova onda de produção de conteúdo, confira as nossas dicas para realizar uma captação de áudio de qualidade e criar um podcast de sucesso!

Nesse artigo falaremos sobre:

  • 3 dicas para uma captação de áudio de qualidade;
  • Cuidados durante a gravação.

Boa leitura!

3 dicas para uma captação de áudio de qualidade

As produções de conteúdo tem aumentado muito no Brasil nas mais diversas plataformas, principalmente em áudio e vídeo. Assim, a possibilidade de sucesso para quem trabalha nessa área é muito maior. 

Entretanto, é importante lembrar que apesar de a demanda por conteúdo ser grande, as pessoas querem consumir produtos de qualidade. E no caso dos podcasts, por exemplo, isso requer um pouco mais de cuidado. 

Para entregar um bom produto é necessário se atentar a alguns detalhes como locações específicas e equipamentos para que o conteúdo tenha um bom resultado, já que o podcast depende exclusivamente do áudio.

1. Ambiente silencioso

A primeira coisa a ser decidida na hora de gravar o áudio de um podcast é o espaço que será escolhido como estúdio de gravação.

É importante encontrar um ambiente silencioso ou com poucos ruídos, assim é mais fácil editar os cortes do programa. 

Dessa forma, você evita que ocorram interferências sonoras, que em alguns casos são impossíveis de remover, ocasionando distrações e prejudicando a experiência do ouvinte.

Uma dica é optar por uma locação pequena que acomoda apenas a equipe, já que assim fica muito mais fácil isolar o som do ambiente.

E por falar em isolamento, é importante preencher o espaço com objetos e decorações que absorvam e difundem o som. 

Por exemplo, sofás, cortinas e almofadas funcionam como absorvedores. Já estantes e prateleiras fazem a difusão. 

2. Equipamentos

Com o ambiente escolhido e preparado, é hora de preparar os equipamentos. O principal deles é o microfone.  

Os microfones condensadores são mais sensíveis. Ou seja, eles dependem de um espaço mais silencioso para melhor absorção.

Já os dinâmicos dependem menos do ambiente ao redor para a captação.

Ambos possuem modelos específicos para captação de voz com características próprias, que de acordo com cada sala e timbre de voz irão proporcionar uma qualidade profissional para gravação.

Também é importante usar um tripé ou suporte para o microfone para não só facilitar a logística da gravação, mas também evitar barulhos enquanto o interlocutor se move. 

Outro equipamento importante são os fones, que na hora da gravação dão um bom retorno para quem está falando e evitam vazamentos de áudio em gravações. Além disso, durante a edição facilitam o processo, já que oferecem mais detalhes de som. 

Existem alguns softwares no mercado que ajudam na captação de áudio e que podem ser excelentes facilitadores, como por exemplo o Anchor, que faz a gravação, garante a hospedagem e a distribuição do de podcast.

O programa para captação de áudio que utilizamos na Feedgurus e indicamos é o Zencastr. Além dele oferecer estabilidade na gravação, oferece alta qualidade na versão paga, sem compressão e em arquivos individuais para cada participante, essencial para uma boa edição.

E por fim, não menos importante, o conforto também precisa ser prioridade, já que são horas de gravação e edição, por isso optar por cadeiras ergonômicas também é um bom investimento.

3. Aquecimento vocal

O aquecimento vocal é extremamente importante antes de iniciar as gravações de um podcast, afinal o programa depende totalmente da voz do apresentador para transmitir o conteúdo planejado

Por isso, antes de começar faça exercícios vocais, beba bastante água e treine a sua dicção. Isso favorece a captação de áudio e faz com que a sua mensagem seja melhor compreendida pelos ouvintes.

Uma boa prática que vai auxiliar a sua voz é evitar a ingestão de chocolates, café, leite e derivados antes de realizar a gravação.

Cuidados durante a captação de áudio

O processo de gravação é muito delicado, já que para oferecer um bom produto final e garantir o sucesso do programa ele precisa ter alta qualidade. 

Além de pensar somente no conteúdo, antes de iniciar as gravações é importante entender alguns detalhes. 

Faça um perfil de ruído

Os perfis de ruído são aqueles 5 segundos de silêncio antes de começar a falar. Esse intervalo ajuda o editor a identificar possíveis ruídos na gravação e retirá-los na pós-produção.

Verifique os níveis de volume

Durante a fala mantenha o microfone próximo a boca (por isso ter um tripé é essencial), e tente permanecer sempre na mesma distância para que não haja variações no nível do volume.

Outro detalhe importante é controlar o som da respiração para que ela não seja ouvida na gravação.

Caso o podcast tenha mais de um apresentador ou vários convidados, é interessante ficar em silêncio durante a fala de cada um para que a captação de áudio não seja interrompida.

Movimente-se pouco

É fundamental evitar movimentações desnecessárias como cadeiras sendo arrastadas, garrafas de plástico sendo abertas, entre outros. Esses ruídos afetam muito o desempenho do áudio do programa. 

Erros e pausas

Se houver algum erro na gravação, o ideal é informar imediatamente em áudio. Esse detalhe auxilia a pós-produção na hora de fazer os cortes da edição. 

Além disso, identificar esses erros pode ajudar na estruturação do próximo programa, já que vão mostrar o que pode ser consertado para deixar o podcast ainda melhor. 

Caso haja uma quebra no áudio por conta de um erro, é interessante utilizar esse tempo para beber água ou fazer algum movimento. Assim o áudio não sofre nenhuma interrupção. 

Notas Finais

Para criar um bom programa de áudio, é importante alinhar-se em todos os detalhes, já que só um bom equipamento não garante um podcast de sucesso, nem mesmo só um bom roteiro. 

É necessário equilibrar as coisas e fazer o melhor com o que está ao alcance do seu investimento. 

Além disso, a voz precisa de 100% da atenção do apresentador, já que ela é o principal instrumento de trabalho para quem faz podcasts. Buscar alguns exercícios vocais para ajudar na fala, por exemplo, vai trazer melhores resultados.

Todo produtor de conteúdo quer que o seu produto seja desejado e aguardado, por isso entregue qualidade.

Gostou do nosso conteúdo? Continue acompanhando o nosso blog e assine a nossa newsletter clicando aqui para não perder os próximos conteúdos!

Leave a comment

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.